NutriçãoTreino

6 Erros que podem estar a sabotar os teus ganhos

Seis erros comuns que podem estar a prejudicar os teus ganhos no ginásio

Todos sabemos que neste desporto os pormenores são fulcrais para o resultado final, no entanto, não é sobre isso que vou falar neste artigo.

Estes erros que vos vou listar, são erros grandes e graves, que devem ser corrigidos e que podem estar a comprometer as tuas metas neste desporto.


NÃO TENS OBJECTIVOS CONCRETOS

Na minha opinião esta é uma das razões que mais contribui para fracos resultados, eu próprio fui vítima. Não importa se queres perder ou ganhar peso, ter um objetivo fixo é vital para obteres resultados. Estar constantemente a mudar de ideias não só prejudica o teu progresso, como também acabas por ficar estagnado, encalhado.

Para ganhos de massa muscular, entende-se que, para quem pratica este desporto necessita de 2,5 a 3,0 gramas de proteína por quilo de peso corporal, mais hidratos de carbono e lípidos necessários.

objectivos

Por outro lado, se pretendes perder peso, precisas queimar mais calorias do que ingeres.

É normal ganhar peso e perder alguma definição muscular. Para evitar essa perda, escolhe bem a qualidade dos hidratos de Carbono, lípidos e proteínas. Tenta comer sempre o mais limpo possível e evitar alimentos processados.


ENFATIZAR DEMASIADO A PROTEÍNA 

Não é nenhum segredo que a proteína é essencial para a construção de músculos . Este macronutriente fornece a matéria prima que pode ser utilizado para o crescimento muscular. Mas e então os hidratos de carbono e gorduras? O problema é quando a nutrição gira 100% em torno da proteína e deixa de lado os outros macronutrientes.

photolibrary_rf_photo_of_high_protein_food

Deve ser lembrado que os hidratos de carbono são o macronutriente que o corpo usa como combustível durante o exercício. Portanto estes são vitais para a ajuda na síntese de proteína em tecido muscular.


TREINAR COM O EGO

Este é o maior erro que alguém pode fazer num ginásio. Por “treinar com o ego”, quero dizer, utilizar demasiado peso sacrificando a tua postura / biomecânica do exercício. A única coisa que vais alcançar desta forma é uma lesão e atrasar o teu progresso.

No-Ego

O músculo não entende a diferença entre levantares 5 quilos ou 100 quilos, o que eles reconhecem é o tempo sob tensão. Quanto mais tempo o músculo estiver sob tensão, melhores os resultados.

Não te preocupes em preencher a barra de pesos ou utilizar o halter mais pesado, mas foca-te na postura e tensão muscular durante o exercício.


NÃO DORMIR O SUFICIENTE 

Não estás a ler mal, para os teus músculos desenvolverem e crescerem precisas de dormir. Se pensas que os músculos crescem quando estás no ginásio, lamento mas estás errado.

O treino de hipertrofia provoca lesões microscópicas que ajudam a formar novos tecidos e fibras musculares, o que significa que existem mais fibras para recuperar. Ou seja, durante o tempo no ginásio estás a “destruir” o músculo por micro rupturas.

Com bastante descanso e alimentação adequada (alta em proteína e hidratos de carbono) os músculos são reconstruídos lentamente durante os dias seguintes.

Caso não durmas pelo menos oito horas, o teu corpo não terá tempo suficiente para se recuperar e construir novo tecido muscular.


O CAOS NOS FINS DE SEMANA

Muitos de vocês acreditam que ir cinco vezes por semana ao ginásio é mais do que suficiente para alcançar os resultados que pretendem. Vocês têm que perceber que o trabalho mais difícil é quando estás fora. Este é um desporto de 24 horas sobre 24 horas.

Este é o cenário típico de quem não leva a sério os resultados: quando o fim de semana chega, a dieta não importa, descansar muito menos e nem se pensa nas substâncias que se toma. Acreditem em mim, esqueceres o teu regime de treino e plano alimentar durante o fim de semana, vai-te afastar mais e mais dos teus objectivos e metas. Todo o esforço será em vão, por uma noite em que te esqueceste que este desporto é de 24 horas e não de hora e meia.

image

Não estou a dizer que não devem sair ou divertirem-se. O que eu que me refiro é ao auto-controle e saber o que  realmente queres. Uma bebida não te vai fazer muito mal,  mas se a esta bebida se juntarem mais outras tantas e o cenário for repetido todos os fins-de-semana podes dizer adeus a qualquer resultado.

O álcool é tratado como uma toxina, um veneno, pelo corpo humano. Portanto, quando bebes álcool, o teu corpo vai reunir todos os esforços para ejetá-lo o mais rapidamente do seu sistema. Isso faz com que os processos importantes, tais como a digestão de nutrientes e síntese de proteínas sejam atrasados ou que não sejam realizadas na íntegra.


DEPENDER DOS SUPLEMENTOS

Todos os dias sou abordado com esta pergunta: “O que estás a tomar???”. Desde o início, há um erro na correta ordem das perguntas. Eu não os culpo,  mas ultimamente tenho visto como as pessoas condicionam os resultados de acordo com os suplementos que tomam.Quando começas a substituir as tuas refeições sólidas por suplementos, estás a cometer um erro grave e básico. Suplementos são para complementar e não substituir.

Se usares suplementos sem uma boa dieta e treino, asseguro-te que só estás a perder dinheiro em troca de resultados nulos.


Este artigo foi adaptado por Nuno Granja, o mais recente elemento da equipa Ginasio Virtual, dá já uma vista de olhos na sua apresentação aqui!

Caso possuam algumas dúvidas sobre algum assunto abordado no artigo, podem-me contactar através do e-mail: [email protected] ou através da zona de comentários.

NOTA: Este artigo foi adaptado e traduzido da Revista Muscular Development Latina, contudo concordo na íntegra com o mesmo e sou defensor que estes são os erros mais comuns e básicos pelos quais a maioria dos praticantes de culturismo e musculação não atingem os seus objectivos.

Mostrar Mais

Artigos relacionados

4 comentários

  1. Olá Marco,

    Existem dois suplementos que considero essenciais e utilizo continuamente durante todo o ano, que são a Proteína de Soro de Leite (Whey) e Multivitamínico. Estes nunca saem da dieta.

    Depois consoante a fase em que me encontrar – definição , manutenção ou aumento de massa muscular – passo a incluir outros suplementos, digamos, menos essenciais.

    Tenho também sempre um pré-treino à mão para alturas de “urgência”.

  2. Olá Nuno! Quais são as opções de hidratos de carbono podes deixar como dica para juntar á proteína após treino ? abraço e bom trabalho

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Back to top button
Close