Inicio » Entrevistas » Entrevista Iuri Frances

Entrevista Iuri Frances

Entrevista ao atleta Iuri Frances.

  • Nome : Iuri Francês
  • Idade : 30 Anos
  • Altura : 1,77cm
  • Peso inicial : 99kg
  • Peso atual : 77kg

O que te levou a entrar no ginásio e a transformar o teu corpo?

O que me levou a começar foi o espelho!
Olhava-me ao espelho e pensava, um rapaz com esta idade não é para ter um corpo neste estado!

Desde miúdo que sempre fui muito bom em provas físicas, deste os tempos da escola em educação física, ou mesmo no futebol onde joguei federado alguns anos, mas por vários motivos e principalmente desleixo, deixei-me engordar de tal forma que fiquei com quase 100kg.

Outra coisa que me fez mudar foi ver pessoal amigo com corpos típicos de ginásio e pensava, gostava de ter um corpo assim!
Mas… não fazia nada para isso.

Desde a alimentação diária que era uma vergonha, passando pelas rolotes á noite depois das discotecas, era um somar de comida “podre”.

Parei de pensar e comecei a agir, já tinha inscrição no ginásio a muitos anos, mas ia lá mais “ver a bola”.
Passei do 8 ao 80, faz 3 anos e pouco que recomecei no ginásio mas de forma séria e em todos os aspectos.

3

Como conseguiste atingir os teus objetivos?

Foi o passar de 8 para 80 que fez os resultados.

Comecei por não falhar um único treino nem uma única refeição. Fazia treino de musculação de segunda a sábado, com descanso a quarta-feira em que fazia boxe, o que acabava por ser um bom cardio.

Um bom parceiro de treino ajudou bastante, pois como eu, ele também era gordo e começamos nisto juntos, conseguimos os dois puxando um pelo outro.

Comecei por criar também uma pasta pública no Facebook e fui postando as minhas alterações, algumas refeições e algumas fotos no ginásio, o que me motivava bastante ao ler os comentários de pessoal conhecido e não só, a reconhecerem o trabalho e a dar força.

Ao inicio fiquei reticente de colocar fotos pois o pessoal português é muito critico, começam logo com as típicas frases “Olha este a armar-se” ou “Olha este tem a mania que já sabe treinar” mas por acaso lidei e lido bem com isso, até porque tenho a hipótese de chegar um dia, apagar tudo e acaba-se a informação.

14

Usei também muitos dos treinos, ideias, alimentação de pessoal que faz vídeos no youtube e blogs, ajudou-me bastante a separar treinos, escolher suplementos e aprender algo sobre eles, a elaborar dietas, etc.

Sem dúvida que a internet me ajudou muito neste campo pois os vídeos do Felipe Franco, Anderson Barbosa, Danilo França e do Sardinha são bastante informativos. Baseei-me muito nestes bloggers no meu percurso e como são em português é bastante mais fácil.

Agora consigo elaborar as minhas dietas e treinos, obtendo assim melhores resultados, e até o faço para algumas pessoas menos informadas do que eu, já consigo explicar erros que fiz para que eles não os cometam.

Quais foram as maiores dificuldades que encontraste nesse percurso?

As dificuldades a nível mental são as piores, porque a comida é um vicio e é das melhores coisas da vida, e eu gosto de comer!

Ter de manter o foco e saber dizer não a jantares menos interessantes do ponto de vista dos meus objetivos.

É necessária alguma força de vontade, pois chegar a casa do trabalho já cansado, ir treinar, voltar exausto e ainda ter de ir preparar as refeições todos os dias para o dia seguinte é mesmo muito desgastante, e isto não é um dia ou dois nesta rotina, são anos assim e eu vou para o 4º ano seguido.

12

Depois mesmo a nível pessoal também é complicado, ir a casa da mãe comer e ela ter de fazer comida diferente só para mim, ir jantar a casa de amigos e levar a caixa de comida a parte, ir de férias e já levar imensas refeições preparadas para os dias que vou estar fora de casa, evitar discotecas, festas, etc, não é fácil.

Mesmo as pessoas mais chegadas como a família, amigos e namorada é necessária alguma “paciência” e que agradeço bastante.

Agora já não é bem assim, já posso ter uma alimentação mais variada, cometer alguns excessos, esticar-me muito mais!

A ideia era fazer um bom trabalho de inicio e levar mesmo até ao fim sem falhas, esse trabalho foi feito e agora é gerir as coisas e usar um meio-termo.

Que dieta seguiste?

Segui várias dietas ao longo dos meses que fui treinando.

Fui sempre variando a alimentação desde hidratos altos, médios, baixos, zero, usar dias do lixo e outras vezes não.
Variar os hidratos de carbono e a proteína ao longo do dia, cortar os HC após as 18 horas ou não.

Enfim, fui testando várias coisas e vendo o que funcionava melhor.

Dieta Atual

Pequeno-Almoço

  • Batata doce
  • Peito de frango
  • Amendoins
  • Vitamina C
  • L-Glutamina
  • BCAA’s

Meio da manhã13

  • Peito de frango
  • Amendoins
  • Multivitamínico

Almoço

  • Batata doce
  • Peito de frango
  • Brócolis

Meio da tarde

  • Claras de ovo
  • Peito de frango

 

Pré-Treino

  • Batata doce
  • Peito de frango
  • BCAA’s

Pós-Treino

  • Dextrose
  • Whey
  • BCAA’s
  • L-Glutamina
  • Banana

Jantar

  • Peito de frango
  • Brócolis
  • Batata doce

Ceia

  • Amendoins
  • Claras de ovo

Que plano de treino seguiste?

Com o treino foi igual.

Comecei por treinar normalmente dois músculos por dia, depois passei para um músculo por dia.

Testei vários tipos de treino como por exemplo o FST-7, técnicas mais avançadas como drop-sets, rest pause, variar o descanso de 20 segundos a 1 minuto, séries com movimento mais lento e outras mais rápido, séries com muito pouco peso e com pouco peso e em certas fases cardio em jejum.

Fui testando e aprendendo o que encaixava melhor comigo.

905819_677310422304645_6658426651100337772_o

Treino Atual

Treino A – Pernas (anterior) e gêmeos

Treino B – Peitoral

Treino C – Costas

Treino D – Pernas (posterior)

2

 

Treino E – Ombros

Treino F – Braços

Que suplementos utilizaste?

No inicio gastei muito dinheiro mal gasto com suplementos, pois pensava que a quantidade levava à qualidade e não é bem assim.

Tomei muita coisa em que o único resultado foi tirar dinheiro da carteira.

Agora a minha suplementação é sempre a mesma independentemente da fase em que me encontre, variando apenas as quantidades.

Os suplementos que utilizo são:

11

Quais os conselhos que darias a alguém que também queira transformar o seu corpo?

Esquece o que dizem, falam ou opinam, faz por ti e para ti. Se queres realmente faz.

Custa? Sim custa, mas é possível.

E esquece aqueles que dizem que só consegues com drogas ou é mais rápido com drogas. Ser mais rápido é, mas, será que justifica? Tens de analisar o que vale a pena para o que queres. Eu não usei uma única droga até porque por motivos de saúde não posso e foi possível. Não ficas nenhum Olimpia mas para ter um bom corpo e fitness consegue-se, não esperes é conseguir em 2 meses!
Levaste quantos anos a engordar? 6 ou 7 anos? E queres emagrecer em 3 meses?

Dá tempo ao tempo, sem falhas, porque quando comias mal também não falhavas, era todos os dias, certo? Então faz desta vez o contrário. Faz bem todos os dias que o corpo vai ao lugar, devagar.
Não ser escravo da dieta mas para apertar ao inicio, tem que ser. Depois mais tarde podes dar umas folgas, mas para começar é a sério.

Isto é a minha opinião e foi o que eu fiz.

6

O meu contacto de facebook è https://www.facebook.com/Yurifrances

Não aceito pessoal que não conheço porque se torna difícil de gerir, mas tenho uma pasta pública com a minha evolução, etc.
Algum outro assunto podem enviar mensagem que eu respondo.

Muitas das mensagens que recebo é a perguntar se não penso em competir.
Já pensei nisso mas o nível e qualidade dos participantes em 1,77cm é muito superior ao meu, ainda me falta massa muscular e maior definição para estar ao nível deles. Treino como sei e com os meios que tenho.
Poderei um dia pensar nisso mas não tenho conhecimentos das poses, do que é realmente importante no palco, o que focar, o que fazer, etc.

É algo que se um dia pensar em ir ter essa experiência tenho de me dedicar.

Deixa um comentário

O teu endereço de e-mail não será publicado. Required fields are marked *

*

Open

Códigos Myprotein AQUI